A pedra filosofal

Espero o carro passar e atravesso a rua; a caminhada é curta até meu destino. Depois de duas quadras varridas de sol, chego à calçada à frente do terreno baldio. De uma fenda no cimento, ergue-se esguio o caule da planta, e apenas se desespreme da avareza do vão para se ramificar com avidez, esférica de tantas folhas, brotos e botões. Está acesa, vestida de verde e laranja, as pétalas ajoelhadas ao redor dos estames, em reverência, e convive pacificamente com as ervas daninhas que acarpetam o concreto. Escolho a flor maior, só não peço licença porque pedi-la não tornaria mais delicada a minha transgressão, tiro do bolso a tesoura e corto o ramo com a eleita. Não há ninguém na rua para julgar-me louca ou esquisita. Levo a flor nas duas mãos como se ela tivesse asas e pego o caminho de volta pra casa.

Em cima da mesa, há uma garrafa vazia de suco de uva, feita de vidro verde trabalhado. Encho-a de água e coloco nela a flor, que se acomoda, gira em meio círculo e vira as costas para mim. Com a flor roubada em seu vaso improvisado, tudo está pronto. Olho em volta para ver se surpreendo a transformação em curso. Há uma toalha de algodão florido sob a garrafa, sobre a mesa. No sofá, a manta de tear comprada na primeira vez em que fui à praia. A luz do sol entra cor de rosa, filtrada pela cortina axadrezada da cozinha. Há os livros preferidos quase bagunçados na estante, gente feliz nos porta-retratos, roupa de cama cheirando a lavanda no quarto. E há a flor, cor de laranja, em uma garrafa verde como seu caule, sobre a mesa. Mas transformação alguma se anuncia: atrás da cortina há apenas vidro, debaixo da toalha granito frio, sustentando as prateleiras tijolos. É. No fundo, eu já sabia que era mais complicado do que virar metal em ouro a alquimia necessária para fazer de lar um endereço.

Anúncios

~ por Thaís Emília em 21/04/2010.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: